Arquivo de etiquetas: consciência

A vida acontece a cada momento

Posso dar início a um processo de questionamento, onde fico mais presente para mim e para o que está a acontecer.

 

A vida acabou de acontecer mesmo agora. E aqui está ela, neste momento. E eventualmente estará ali à frente mais daqui a pouco. Mas será que tenho consciência disso? Ou será que passo a maior parte do tempo com preocupações futuras e com medos vindos do passado?

Será que estou presente para o que está a acontecer neste momento? E pode ser algo agradável e pode ser algo que me incomoda. Mas aquilo é tudo o que existe para mim naquele instante. E a questão que surge na mente pode ser, o que é que posso fazer com isto?

Se a pessoa que gostaria que estivesse ali está ausente, será que posso aproveitar a companhia dos que estão presentes? Será que posso estar presente para mim?

E se a resposta  for negativa, posso sempre questionar o porquê de querer estar a lamentar a ausência de alguém, quando existe tudo o resto ao meu dispor.

Qual o pensamento que me leva ao sofrimento de querer o que não existe neste momento e rejeitar o restante. Em especial, que pensamento me conduz à rejeição de mim.

Será que considero que não sou suficiente para mim, e que necessito do outro para preencher o que acredito não ter?

Será que preciso que o outro me dê o que acredito não me conseguir dar?

E será que já pensei alguma vez sobre o assunto? Ou limito-me a reagir aos pensamentos que surgem, quando não tenho o que acredito estar a fazer-me falta?

Caso considere útil, posso sempre parar para pensar sobre os pensamentos que surgem na mente. De que forma estes pensamentos alteram a minha respiração, as sensações no corpo, e de que forma é que eu reajo ao que estou a sentir e a pensar.

Posso dar início a um processo de questionamento, onde fico mais presente para mim e para o que está a acontecer.

E não tem de ser agradável. Mas também não preciso de amuar ou fazer uma birra.

Posso só ficar quieto e em silêncio, e começar a prestar atenção aos pensamentos que surgem.

Na realidade, posso ficar presente para a vida que acontece naquele momento.

E nada indica que é um processo fácil de se iniciar. Mas se nunca o fizer, não saberei qual é a sensação de apenas estar presente no momento, sem mais histórias e sem dramas a acontecer.