Fernanda, Seixal

“Ai Ai Ai…que medo…assim começa o meu percurso….Sombra.

Como cheguei até à sombra: acompanhei a Ana em muitas situações da vida, e comecei a perceber a repetição de ” padrões”…

Acompanhei a entrada da Ana neste trabalho que fez com Emídio, (quem tive também o prazer de conhecer) e, ao ver a sua evolução, começou algo a despertar…

Nos nossos momentos de ansiedade, de tristeza e lágrimas a minha Ana dizia “então vamos lá ver o que há para limpar”, e assim começa, entre lagrimas, gritos e dor o meu trabalho de sombra. O trabalho de olhar para dentro e perceber quem somos e o que projetamos no outro…

O que posso partilhar sobre os resultados deste trabalho é muito simples: em momentos de grande caos, é estar a olhar para o que está a acontecer e sentir-me mais em paz comigo. E tudo está certo até ao próximo caos.

Assim, continuo o meu percurso com a Ana e a ter cada vez mais consciência ” Quem sou eu para controlar tudo”.

Ainda agora comecei e ainda existe muito para caminhar, tanto para dentro como para fora.

Bem-Haja a todos que conseguirem ir em frente e ficarem mais paz.

Eu Fernanda vou continuar….”